Avaliação de História - Inconfidência Mineira, Movimentos nativistas e Período Joanino - 8º Ano

COLÉGIO                                                                                                                              DATA:
Aluno(a):
AVALIAÇÃO DE HISTÓRIA – 8º ANO

1 - Em 1808, a família real portuguesa, fugindo do cerco napoleônico, transferiu-se para o Brasil que, de colônia, se tornou sede da monarquia e do vice-reino. Os treze anos durante os quais a corte permaneceu no Rio de Janeiro tiveram grande importância política e econômica e foram seguidos pela declaração de independência do Brasil em 1822. (OLIVEN, Rubem George. “Cultura e modernidade no Brasil”).


Uma das principais características socioeconômicas desse período foi a(o)

a) início do ciclo econômico do ouro.  
b) início do ciclo econômico da borracha.                        
c) abertura dos portos ao comércio exterior.  
d) ampliação das relações comerciais com a China.  
e) elevação do Brasil à condição de protetorado da Inglaterra.  


2 - Em 1º de março 2017 o Rio de Janeiro comemorou 452 anos de sua fundação. Ao longo dos séculos, a cidade passou por uma série de mudanças e transformações que resultaram na capital do estado que carrega o mesmo nome.

Dentre estas mudanças ocorridas no século XIX podemos citar:

a) A mudança da capital do Brasil de Salvador para o Rio de Janeiro.  
b) A crescente produção de café que tornou a cidade maior produtora das Américas.
c) o surgimento de ruas e o alargamento de algumas já existentes e a criação de instituições por D. João VI a partir de 1808, como o Jardim Botânico e a Biblioteca Real.  
d) a Revolução do Porto que em 1820 permitiu desviar grandes somas de dinheiro investidas no Rio de janeiro
e) A criação das casas de fundição que permitiu à cidade do Rio de Janeiro rápido crescimento econômico.

3 - Leia o texto a seguir: “A abertura dos portos às nações amigas, em 1808, permitiu que o Brasil fosse invadido por artigos importados dos mais variados, principalmente de origem inglesa. Os produtos ligados à indumentária e à beleza deram novo fôlego à vaidade dos homens e mulheres de então. O período imperial no Brasil foi marcado por modos e modas que acompanharam as grandes mudanças políticas, econômicas e sociais. Roupas, acessórios, joias e penteados revelam como se comportavam as pessoas, a sutileza de seus costumes e os códigos secretos da vida em sociedade. O acesso aos itens de luxo, entretanto, não tornou os moradores das terras brasileiras mais elegantes aos olhos dos viajantes estrangeiros.” (RASPANTI, Márcia Pinna. Que deselegantes.)

A partir da leitura do texto, é possível afirmar:

I. Com a chegada da família real portuguesa ao Brasil, os brasileiros tiveram mais acesso aos produtos ingleses.
II. As mudanças ocorridas nos modos e na moda no contexto do período Imperial brasileiro foram quase imperceptíveis.
III. Roupas, acessórios e joias são itens supérfluos que pouco informam sobre os costumes de uma época.
IV. Os viajantes estrangeiros que passaram pelo Brasil consideravam os brasileiros muito elegantes


Está(ão) CORRETA(S):
a) I e II, apenas.  
b) II e III, apenas.  
c) I, apenas.  
d) III e IV, apenas.  
e) I, II e IV, apenas.  

5 –  A Inconfidência Mineira, no plano das ideias, foi inspirada:
a) nas reivindicações das camadas menos favorecidas da colônia.
b) no pensamento dos filósofos do Iluminismo.
c) nos princípios do socialismo utópico de Saint-Simon.
d) nas ideias absolutistas defendidas pelos pensadores comunistas.
e) nas fórmulas políticas desenvolvidas pelos comerciantes do rio de Janeiro.

6 – A partir de seus conhecimentos sobre a Conjuração Mineira (1789), EXAMINE as afirmativas abaixo:
I – Inspirados pelas ideias iluministas, os conjurados mineiros defenderam a liberdade do comércio e a independência da região das minas.
II – Dentre os grupos sociais envolvidos no movimento, destacaram-se os proprietários de lavras e de terras, oficiais militares, clérigos e letrados.
III – O exemplo da possibilidade que quebrar o pacto colonial representado pela independência dos Estados Unidos exerceu influência entre aqueles que planejaram a conspiração.
IV – A crise na exploração do ouro na segunda metade do século XVIII, ao lado da iminente cobrança da derrama foram fatores que contribuíram para aumentar a insatisfação dos colonos mineiros com a Coroa portuguesa.
Assinale a alternativa CORRETA:
a) Somente as afirmativas I e II estão corretas.
b) Somente as afirmativas I e III estão corretas.
c) Somente as afirmativas I, II e III estão corretas.
d) Somente as afirmativas I, III e IV estão corretas.
e) Todas as afirmativas estão corretas.

6 – Explique o que era a Derrama


7 –  Explique o que foi a Revolução Liberal do Porto de 1820.


8 – Explique o que foi o “dia do fico”.


9 – Entre as instituições e estruturas criadas na administração de D. João VI no Brasil podemos citar EXCETO:
a) Biblioteca Real               b) Jardim Botânico              c) Academia de Belas Artes         
d) Banco do Brasil              e) Tribunal do Santo Ofício



10 – Assinale no mapa os estados onde ocorreram: 1 –  a Inconfidência Mineira; 2 – a Conjuração Baiana; 3 – a Guerra dos Mascates; 3 - a Guerra dos Emboabas; 5 – a Revolta de Beckman.


Nenhum comentário:

Postar um comentário