Os 100 anos do Contestado na FGV

No dia 22 de outubro desse ano, o conflito do Contestado completou 100 anos de seu início. O que foi desencadeado na Batalha de Irani a um século é carregado até hoje pelas populações que habitam a região do Contestado, uma extensa região povoada de miséria entre os estados do Paraná e Santa Catarina que desde a época do conflito do Contestado já se podia constatar o esquecimento desse sertão pelos governantes desse país.

100 anos se passaram e muito pouco coisa mudou, o esquecimento ainda permanece. A memória do contestado foi esquecida por muitos setores que fizeram questão de ignorar quase por completo o centenário dessa página importante da história do nosso país.

Na região de União da Vitória houve grande esforço para que essa parte de nossa história fosse lembrada, também em Santa Catarina inclusive por setores governamentais, houve esforço significativo nesse sentido.

No entanto,  muitos dos esforços de retirar o Contestado do anonimato tem vindo de fora dos estados do Paraná e de Santa Catarina, como é o caso do belo documentário "Meninos do Contestado" produzido no estado de São Paulo.

A Fundação Getúlio Vargas  reuniu quantidade significativa de documentos digitalizados relacionados ao conflito, de entrevistas com historiadores e estudiosos do assunto, indicação de filmes, teses e dissertações, tudo de uma maneira muito bem organizada e acessível. 

Quem quiser conferir o dossiê do Contestado da FGV, clique AQUI.

Nenhum comentário:

Postar um comentário