Tatuagens e seus Significados - Chaves

 "E eu te darei as chaves do reino dos céus; e tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus".
(Mateus 16:19)

As primeiras fechaduras que foram usadas em Roma eram extremamente simples: consistiam em duas argolas, uma em cada aba da porta, e entre elas passava-se um prego (em latim "clavus, clavi"). Este sistema facilitava tanto o trabalho dos ladrões que, para evitá-los, os artesãos foram criando sistemas mais complexos, nos quais se conferia ao prego uma forma específica para cada porta, de forma que só o dono da casa ou quem tivesse consigo aquele prego poderia abrir e fechar. Com esta novidade, o nome do prego ("clavus") mudou ligeiramente para chamar-se "clavis", da qual se originou em nossa língua a palavra "chave".
O jurisconsulto Papiniano usava a expressão ´clavem tradere´ com o sentido de ´entregar a administração dos bens´, e Cícero usou ´claves adimere´ como ´tirar as chaves à mulher, repudiá-la´. Em sentido figurado, usou-se ´clavis scientiae´ como ´chave da ciência´.
No imaginário popular, as chaves tomaram um sentido figurativo, muitos passaram a utilizar o símbolo para se referi a um guardião, à pessoas que possuem um grande segredo, conhecimento ou responsabilidade sobre a sua tutela. As chaves passaram a representar o sigilo e este sentido foi transmitido através de vários símbolos tatuados em todo o mundo que tornou-se muito popular entre os fãs da tatuagem mística.

Fontes e referências:

http://wikipedia.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário